Assessoria Astrológica Personalizada

Astrologia Geral

   ...  ...   

Depois que você tiver uma compreensão sobre seu mapa natal e os potenciais indicados nele, poderá usar as revoluções solares, as progressões e os trânsitos para prever tendências de energias em sua vida. E você pode relacionar suas atividades diárias, semanais, mensais ou anuais a ciclos dos planetas, à medida que eles se ‘movem’ através do seu mapa natal, considerando-se os aspectos que eles fazem com os pontos nesse mapa e entre si. Quando há uma convergência de duas ou mais configurações (ou ciclos), a probabilidade de os eventos se realizarem será maior, o mesmo ocorrendo com as mudanças psicológicas que os planetas sugerem. No mais das vezes, nós decidimos fazer mudanças em virtude da pressão das energias; entretanto, é preciso lembrar que os planetas refletem o tipo de energia que está produzindo a pressão, mas não representam o mecanismo que leva às decisões. Além desses recursos, você pode utilizar o que se chama usualmente de ‘revolução solar’, ‘retorno solar’, ou ‘mapa do ano’, que representa o mapa do seu aniversário astrológico, ou seja, o mapa do ano seguinte, começando no dia e horário em que o Sol passar exatamente pelo mesmo ponto em que está no seu mapa natal (o que geralmente acontece no dia, um dia antes ou um dia depois do seu aniversário propriamente dito – v. resposta seguinte). Finalmente, você pode formular uma pergunta – de preferência colocando-a no papel – e anotar o dia e horário exato (além, é claro, do local) em que a dúvida ou questão relacionada com ela tomou corpo em seu mental e/ou psiquismo, digamos assim. Esta forma de consulta é chamada usualmente de ‘Astrologia horária’. Em qualquer dos casos acima, um astrólogo poderá ajudar você a interpretar os mapas envolvidos, de maneira condizente, relacionando-os com o seu mapa natal. Já ouvi dizer que muitas pessoas eventualmente passam o aniversário em outro lugar, que não aquele onde nasceram, para ter uma possibilidade diferente para as energias do seu ano seguinte. Qual é sua opinião a respeito? Pelas respostas sobre as casas, você já pôde entender que o local e o horário influem fundamentalmente em qualquer mapa astral. Da mesma forma, se uma pessoa resolve passar o seu aniversário astrológico em local diferente daquele onde estaria, estará provavelmente influindo no seu ‘Ascendente do ano’ (e portanto, na distribuição de todas as casas), o que mudará o mapa do seu ‘retorno solar’. Geralmente os signos do Ascendente e dos demais ângulos do Retorno Solar diferem daqueles do mapa natal. Contudo, quando acontece repetir-se a mesma posição, especialmente do signo Ascendente, o ano em questão costuma ser um ano marcante para o indivíduo. Sem dúvida, a essência básica do mapa natal permanece, mas, para aquele ano seguinte são agregadas e sugeridas outras possibilidades, determinadas pela mudança de posicionamento dos corpos celestes e das próprias casas. Ao analisar o mapa do ‘retorno solar’ em comparação com o mapa natal, um astrólogo poderá verificar quais serão as casas que se destacarão naquele período, em relação a este último, e a incidência maior ou menor de corpos celestes em cada um dos setores representados, bem como eventuais aspectos salientes entre os planetas no mapa do ano e aqueles do mapa natal, podendo assim dar boas indicações para você.

Minimizar

   ...  ...   

© 2009 - www.chiron.com.br Voltar ao Topo